O governo Bolsonaro tem votos para aprovar a reforma da Previdência no Senado. Segundo levantamento feito pelo Estadão, são 53 votos favoráveis – sendo 16 com ressalvas – 13 contra e 15 indecisos, para aprovação são necessários 49.

Na bancada piauiense, os três senadores: Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressistas; Elmano Férrer (Podemos) e Marcelo Castro (MDB) se declararam a favor da proposta aprovada na Câmara.

Se a matéria for aprovada como na Câmara seguirá para promulgação, mas se houver alteração a medida volta para análise dos deputados atrasando os planos do governo Bolsonaro.


Via Senadinho. 

Dê sua opinião: