Mudança na Secretaria do Meio Ambiente (Semar). A pasta ficou mesmo na cota da deputada federal Margarete Coelho (PP), e o nome escolhido será de Sadia Castro, irmã da parlamentar.

Ela é formada em jornalismo e muito ligada as causas ambientais. Cabe colocar que Margarete venceu a queda de braço com o ex- deputado federal Mainha (PP) que foi vetado pelo Palácio de Karnak.

Comenta-se que a resistência ao nome de Mainha seria reflexo do pleito de 2018, quando ele teria votado em Luciano Nunes (PSDB) para o Governo e não em Wellington Dias que se reelegeu ao cargo.


Anúncio

O anúncio do novo secretariado de Wellington está previsto para ocorrer no início da tarde desta quinta-feira (02).


Com informações do GP1.

Dê sua opinião: