O ministro da Justiça, Sergio Moro, vai se afastar do cargo na próxima semana – a autorização foi publicada no Diário Oficial da União (DOU). Ele fica fora das funções do dia 15 a 19 de julho [segunda a sexta] para tratar de “assuntos particulares” – segundo o DOU.

A assessoria de Sergio Moro diz que ele vai tirar “uns dias de férias”, enquanto isso fica no cargo o secretário-executivo, número dois do Ministério da Justiça, Luiz Pontel de Souza. A informação é de Gabriela Echenique na CBN.

Segundo o Ministério, Moro não receberá salário pelos dias afastado. O afastamento acontece em meio à divulgação de mais conversas vazadas entre o ex-juiz e o procurador Deltan Dallagnol. No final de semana, foram publicados diálogos que apontam alinhamento com a oposição na Venezuela.


Via Senadinho. 

Dê sua opinião: