O líder do governo na Assembleia Legislativa do Estado, Francisco Limma (PT), reagiu às críticas da oposição a gestão da educação estadual. Após visitar a Uespi, a deputada Teresa Britto (PV) fez duras críticas ao governo e ameaça ir à Justiça para obrigar o governo a fazer os repasses financeiros à instituição. 

Depois da parlamentar cobrar detalhes da aplicação dos recursos obtidos pelo governo através do Finisa,  programa intermediado pela Caixa Econômica Federal, Limma disse que a oposição é incoerente.  Teresa quer uma audiência pública e disse que a situação da instituição é caótica. 

“O maior erro é dizer uma coisa aqui e fazer outra ali. A deputada não é melhor do que eu ou do que qualquer outro parlamentar. O mais besta que tem aqui é deputado estadual. O maior erro da oposição é a incoerência. Ela vai visitar a Uespi e ao invés de ouvir os dirigentes, os professores, fica fazendo deduções. E fica cobrando aqui a melhoria dos serviços da educação, da saúde, mas na hora que vem um projeto para conseguir recursos para o Estado vota contra”, afirmou.


Com informações do cidadeverde.com

Dê sua opinião: