Passada a eleição da mesa diretora da Assembleia Legislativa do Piauí, o assunto mais comentado naquela casa é o convite que o governador Wellington Dias teria feito ao deputado Fernando Monteiro (PRTB), para se filiar ao PT.

O deputado que já está com o passe negociado com o Progressistas do senador Ciro Nogueira, e inclusive já recebeu dinheiro da sigla para sua última campanha, nega que tenha recebido convite do governador.

Seu atual partido, o PRTB, não atingiu a “cláusula de barreira”, fato que põe em risco a própria existência do partido. Assim, o deputado poderá trocar de partido quando a janela partidária for aberta pelo Tribunal Superior Eleitoral.

PT ou PP?

Tanto o Partido dos Trabalhadores, quanto o Progressistas tem interesse no deputado Fernando Monteiro tendo em vista que cada uma das duas siglas conta com cinco parlamentares na Alepi, ficando atrás do MDB, que possui a maior bancada na casa com seis parlamentares.

Assim, apesar de Fernando Monteiro negar o convite do governador e de já ser pública a possível ida do deputado para o Progressistas, os dois partidos tem interesse no passe do deputado que ocupa a primeira vice-presidência da Alepi depois de um acordo com o PP.


Por Mikeias di Mattos.

Dê sua opinião: