Finalmente a novela sobre a homologação dos 2,5 mil filiados do PT de Teresina chegou ao fim. O Diretório Nacional decidiu pela homologação e direito de voto desses filiados.

A informação foi confirmada pelo vereador de Teresina, Dudu Borges, que fez um desabafo ao falar sobre a deliberação da Nacional. Para ele, o veredito final acabou desmoralizando o grupo do deputado federal Assis Carvalho, que disputa com ele a presidência do Diretório Estadual do partido. Assis tenta se reeleger ao cargo.

"A justiça foi feita e a Nacional mostrou que era um absurdo o que os diretórios do estadual e municipal queriam fazer adotando uma atitude antidemocrática, querendo impedir a homologação dessas pessoas. O Diretório Nacional mostrou que discorda da atitude autoritária e arrogante do grupo do Assis Carvalho. O grupo do deputado Assis saiu desmoralizado com esse resultado", disparou Dudu.

Os diretórios estadual e de Teresina, presidido por Gilberto Paixão tinham decidido pela não homologação desses mais de 2 mil filiados sob alegação de irregularidades no processo de entrada dessas pessoas ao partido. O caso então, foi encaminhado para a Executiva Nacional.


Via GP1

Dê sua opinião: