O prefeito de Teresina, Firmino Filho, comentou a filiação de seus aliados antigos ao PSD na última segunda feira. Firmino também disse que não há nenhuma possibilidade sua saída do PSDB.

Sobre a filiação de aliados importantes do seu governo a ao PSD, o prefeito de Teresina comparou as alianças políticas como namoro ou casamento. Para ele, se um relacionamento não vai bem, é normal que cada um vá para o seu lado.

"Poucos casamentos demoram tanto. Casamento e namoro é assim: quando está bem está bem, quando não está, tem o rompimento. Então cada um parte para seu canto. Temos muitas pessoas que marcharam conosco por vários anos e infelizmente por um motivo ou outro esse casamento se desfaz. Desejo que nossos ex-parceiros sejam felizes", destacou.

Já sobre sua saída do PSDB, o que há muito tempo se especula nos bastidores, o tucano garante sua permanência no partido e que inclusive participará do processo de renovação da sigla.

"Não existe nenhuma possibilidade de deixar o PSDB. Estou no PSDB desde 1991. São 28 anos. Só um motivo muito forte para sair do PSDB. É importante deixar isso claro. Estaremos ainda em abril com o governador João Doria. Ele nos convidou para tratar do partido. Liderar o processo de reformatação do PSDB", afirma.


Por Mikeias di Mattos, com informações do cidadeverde.com.

Dê sua opinião: