A Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (Seaf) lançou, nessa quarta-feira (24), no município de União, o Selo da Agricultura Familiar durante a abertura da 10º Feira Territorial e Solidária, Sabores e Saberes da Agricultura Familiar e Reforma Agrária, promovida pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais Agricultores Familiares (STTR). O evento tem o apoio da Seaf. 

O selo tem como objetivo valorizar a agricultura e a produção agrícola no estado, proporcionando maior segurança no que se refere à qualidade dos produtos comercializados pelos agricultores. No ano de 2018, a Seaf apoiou 89 feiras em todo o estado, e em 2019 a expectativa é aumentar ainda mais esse número.

Para o superintendente Francisco das Chagas Ribeiro, o selo representa uma maior valorização dos produtos da agricultura familiar, além de dar maior segurança aos consumidores desses produtos. 

“Esse é um passo importante que estamos dando para que a produção familiar seja mais valorizada, isso garante a quem vai consumir uma maior segurança, pois são produtos de boa qualidade", destacou o gestor, que ressaltou ainda que o selo é importante porque identifica os produtos, agrega mais valor, além de dar mais visibilidade aos produtos da agricultura familiar. No Brasil, 70% dos alimentos que abastecem a mesas das pessoas vem da produção da agrícola familiar.

Para Liz Elizabeth, diretora da Agricultura Familiar da Seaf, um dos maiores objetivos desta ação é divulgar e valorizar o 25 de julho, quando é comemorado o Dia Internacional da Agricutura Familiar. 

"Temos que mostrar a importância da produção da agricultura para a segurança alimentar da população", pontuou Liz.

A 10ª Feira da Agricultura Familiar de União é uma das mais tradicionais feiras do estado do Piauí, onde, nesta edição, participam aproximadamente 75 feirantes, com uma grande variedade de produtos.

Segundo o presidente do STTR, Laurentino Bezerra, a feira tem crescido e se fortalecido muito durante os anos, e avalia que o selo vai melhorar e fortalecer ainda mais a agricultura familiar no município. 

“Esse selo é o caminho para melhorar a comercialização dos produtos da agricultura familiar e ajudar os produtores na divulgação dos produtos. Laurentino ressaltou ainda que a meta é aumentar ainda mais o número de participantes. "O objetivo é crescer ainda mais e tornar a nossa feira a maior da região", frisou Bezerra.

Dentre os produtos comercializados na feira, estão milho, banana, maxixe, feijão, melancia, macaxeira, azeite, abóbora, galinha, temperos, produtos artesanais e ovos.

Para a produtora Francisca das Chagas, a expectativa é de fazer boas vendas. 

"A feira tem crescido muito e esperamos vender uma boa quantidade de produtos". Ela ressalta ainda que é muito importante o apoio da Secretaria da Agricultura Familiar para fortalecer a produção.

Presenças

Participaram do lançamento do selo e da abertura da feira, o superintendente do Desenvolvimento Rural, Francisco das Chagas Ribeiro (Chicão), representando o secretário Hérbert Buenos Aires, quando também  estiveram presentes à solenidade, a diretora de Crédito Fundiário, Sheila Reis; o diretor de Articulação Comunitária, Durval Gomes de Moura; o diretor de Inclusão Produtiva, Antônio José Pereira Ferreira; o superintendente das cadeias produtivas, Simão Oliveira; o secretário de Agricultura de União, Amaury Rachid; o deputado estadual Francisco Limma; o diretor-geral do Emater, Francisco Guedes; o vice-prefeito de União, Lauro Nery; o presidente do STTR, Laurentino Bezerra; e representantes da Fetag-PI, do STTR de Jóse de Freitas e de vários municípios da região.

Dê sua opinião: