O deputado estadual e pré-candidato à Prefeitura de Teresina, Georgiano Neto, falou sobre as possíveis composições do PSD nas eleições da Capital em 2020. Ele afirmou que é cedo para falar de nomes para vice e negou que esteja ocorrendo uma movimentação de saída de filiados, que eram da base do prefeito Firmino Filho (PSDB) e, que estariam interessados em retornar para o Palácio da Cidade, como chegou a circular nos bastidores.

“Composição só no futuro, mas temos dialogado com MDB, PL e com o PT até porque cada um desses partidos deve ter um pré-candidato a prefeito. Vamos tentar viabilizar [nome para vice] lá na frente. Quanto a essa conversa de saída é fofoca, não existe nada disso. Todos estão satisfeitos e trabalhando”, afirmou o parlamentar nesta quarta-feira (24).

Georgiano falou ainda que no plano proporcional a ideia é que o PSD consiga eleger, pelo menos, quatro vereadores. 

“Todos estão trabalhando para se viabilizar. O nosso compromisso é para elegermos de quatro a cinco vereadores”, finalizou Neto.

Novos filiados

No início desse mês, dois ex-aliados de Firmino Filho se filiaram ao PSD. A dupla de ex-vereadores, Ananias Carvalho e Renato Berger, decidiu partir para a oposição. Berger, por exemplo, chegou a dizer que foi descartado pelo chefe do Palácio da Cidade que, revidou afirmando que o ex-vereador não quis ficar no banco de reservas.


Com informações do GP1.

Dê sua opinião: