O deputado federal Assis Carvalho, presidente do diretório estadual do Partido dos Trabalhadores, afirmou na manhã desta segunda-feira (11), que o partido irá punidos os membros que foram infiéis às orientações do parido nas eleições de 2018.

De acordo com o deputado, filiados ao PT podem ser expulsos e que já há uma comissão trabalhando para detectar quem não seguiu as determinações da sigla.

“O PT vai cumprir os estatutos que foram aprovados em congresso. Eu como presidente não posso abrir mão disso [de punir os infiéis]. Tem uma comissão cuidando disso”, informou Assis.

As penalidades serão aplicadas aos petistas que não apoiaram os candidatos do partido tanto na disputa proporcional quanto na majoritária. Assis evitou citar nomes, mas, repetiu que a regra será aplicada aos que se enquadrarem nela.

“O PT sabe do seu papel e, repito, que nós montamos uma comissão para tratar dessa questão”, finalizou o deputado federal.


Por Mikeias di Mattos, com informações do GP1.

Dê sua opinião: