A quatro meses de deixar a prisão, Marcelo Odebrecht tem se mostrado ansioso e tenso, segundo pessoas com quem ele tem contato, ouvidas pela Folha.

Diz o jornal:

"Sempre reclama da quantidade de crimes que assumiu. Quem frequenta a sede da Polícia Federal no Paraná, onde o executivo está preso, relata que é comum vê-lo aos gritos com advogados. Marcelo é o único dos 77 delatores da Odebrecht que cumpre pena em regime fechado."


Com informações do Antagonista.

Dê sua opinião: